Look para Palestras

2 dez

Recentemente, as queridas meninas do Laboratório [Ox]igênio nos convidaram para palestrarmos sobre essa estrutura homérica que é o TDUL. Explicaríamos como criamos os looks, quantas ameaças de mortes recebemos assim como o número de ligações que dizem: “Alô, quem são vocês? O que vocês fizeram com minha filha? Ela tá aqui do meu lado dizendo que o bebê é de um de vocês!” Enfim, topei na hora o convite, mas não avisei aos meus colegas, afinal, eles me deixaram de fora no último after no apartamento do Miltinho Talaviera. I gave my heart and soul to you, cantava eu em lágrimas enquanto Chini e Moskito se deliciavam no ofurô mais badalado da Padre Chagas.

Vou dar algumas as dicas básicas para vocês leitoras que forem palestrar algum dia. Primeiro, tomem uma boa xícara de café batizada com speed, exatamente como o Lemmy Kilmister fazia (talvez não numa xícara como essa, mas enfim). Vocês vão precisar ficar atentos a qualquer pergunta da platéia (não houve nenhuma pergunta, mas preferi não correr risco – e ficar doidão). Segundo, vista-se como um garçom hipster, ou ainda,  um integrante dos Batutinhas. Terceiro: olhe para o chão, gagueje e gesticule como um esquizofrênico explicando quais medicações toma, isso dá um toque informal à palestra e as pessoas vão se identificar com você.

Recarregue as baterias com mais uma xícara de café e corra para o registro fotográfico do evento. Lembre-se: oportunidades como essas são importantíssimas para network, ou melhor, FAZER CONTATO. Por exemplo, essa menina de short do meu lado se aproximou na hora da foto e eu fiz contato com ela. ~Fin~

Anúncios

7 Respostas to “Look para Palestras”

  1. Gabriela 03/12/2011 às 02:47 #

    e esses mullets? fazem parte do look também?

    • Lucas 03/12/2011 às 03:49 #

      PUTZ, ia comentar exatamente isso. Antes de notar a mão oculta, notei o mullet na última foto.

  2. Matias 03/12/2011 às 11:16 #

    pô, galera, anos 80 tá voltando (nem tá, preciso cortar o “cabelo” até o natal)

  3. Carol 03/12/2011 às 17:05 #

    E pela cara da garota…
    (coitada)

  4. Julia Bertolucci 03/12/2011 às 21:35 #

    Terceiro: olhe para o chão, gagueje e gesticule como um esquizofrênico explicando quais medicações toma, isso dá um toque informal à palestra e as pessoas vão se identificar com você.

    hahahahhahahah adorei Matias. A palestra tava ótima, parabéns!
    beijo, Julia.

    • Matias 03/12/2011 às 21:55 #

      obrigado, julia! da próxima vez eu tento olhar nos olhos das pessoas enquanto falo.

  5. Silvana 05/12/2011 às 11:19 #

    Era tudo que eu precisava para acabar com o medo de falar em público. Obrigada!

Comentários encerrados.

%d blogueiros gostam disto: